SENAR-CE reúne presidentes de sindicatos para discutir operação do PAT

A convite do sistema Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Ceará-FAEC e Serviço Nacional de Aprendizagem Rural – SENAR,  os Presidentes de Sindicatos Rurais  participam hoje, 25, de uma reunião promovida pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural- Administração Regional  do Ceará,  para apresentação da nova sistemática do Programa Anual de Trabalho-PAT-  para 2019, onde cada Sindicato deverá   formar seu grupo de produtores para  oferecer o Programa de  Assistência Técnica e  Gerencial –ATeg,  .principal foco de atuação do SENAR em 2019  junto aos proprietários rurais e trabalhar também os demais cursos nas áreas de Formação Profissional Rural-FPR  e Promoção Social.

 Na abertura do  encontro, o Presidente da FAEC, Flávio Saboya fez algumas considerações sobre as novas  obrigações mensais e anuais dos sindicatos rurais junto aos órgãos de Controle .  Em seguida,  a contadora Jucileide Nogueira  falou das obrigações mensais que são o preenchimento do eSocial  (EFD, REINF e Dectf Web) , Informações Fiscais , Escrituração Contábil, Previdenciária e Trabalhista). Já  na lista de obrigações anuais dos sindicatos estão  RAIS- Relação Anual de  Informações Sociais, DIRF-Declaração de Imposto de Renda Retido na Fonte , COAF- Conselho de Controle de Atividades Financeiras, ECD- Escrituração Contábil Digital., sem esquecer a Declaração do ITR- Imposto Territorial Rural e Imposto de Renda da pessoa física, do produtor rural.

 Na ocasião, houve uma exposição sobre o Programa Agro + Brasil, pelo  vice-presidente de Administração e Finanças da FAEC, e presidente do Sindicato Rural de Ibaretama, Carlos Bezerra e pelo  Presidente do Sindicato Rural de Caucaia, Henrique Matias, que  participaram de uma capacitação na sede da  Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasi-CNA , em Brasília. Segundo eles, será uma grande oportunidade de  fortalecer a prestação  de serviços aos produtores e incentivar à assistência técnica nas propriedades. O    Bem + Agro é um programa de fidelidade criado pela CNA,    onde cada produto adquirido  pelos produtores  terá pontos em Agro, que serão trocados  por produtos, na compra de veículos, máquinas agrícolas, pneus, passagens aéreas , enfim, por um uma série de serviços ( Ler mais abaixo) .

Assistência Técnica e Gerencial  será incrementada

 O programa de Assistência Técnica e Gerencial do SENAR- ATeG deverá ser incrementado este ano através de grupos de no mínimo 20 produtores por cada Sindicato, em uma  só cadeia produtiva, oferecendo mais 11 cursos por ano, por Sindicato.  Até o dia primeiro de fevereiro, todos eles  deverão apresentar seus grupos da ATeg, disse a Diretora Técnica do SENAR-CE, Ana Kelly Claudio que apresentou a nova metodologia de atuação e os termos de Cooperação Técnica e Financeira . O Presidente da FAEC, Flávio Saboya recomendou trazer para dentro destes grupos os produtores rurais ligados aos Sindicatos, sendo esta mais uma forma de fidelização na prestação de serviços, já que é um trabalho gratuito que o SENAR oferece ao produtor rural.

O primeiro a formar seu grupo, foi o Presidente do Sindicato de Limoeiro do Norte, Luis Mendes. “Nosso gruo será sobre Avicultura , estamos bastante entusiasmados com este trabalho, pois já temos uma tradição em criação de aves na Região,e acreditamos que vamos obter bons resultados.

Na programação de cursos  do SENAR  que   vem sendo elaborada pela Diretoria Técnica, estão previstos  ainda para 2019, 450 turmas  de produtores  que serão beneficiados com  cursos nas áreas de Formação Profissional Rural- FPR- e 250 turmas de PS – Promoção Social, atendendo a 900 propriedades , mas a mesma poderá sofrer alterações . Esse planejamento teve inicio em agosto, com a visita do Superintendente do SENAR-CE, Sérgio Oliveira da Silva, – quie está hoje, em Brasília- a  vários Sindicatos Rurais divulgando a nova  forma de atuação. Em seguida, já em novembro do ano  passado, o Senar promoveu o Encontro Metodológico de Instrutores . Este ano, o SENAR-Ceará  também   reestruturou sua equipe, e montou um Setor de Supervisão. Na ocasião, foram apresentadas as duas novas supervisoras Mariana  Menezes e Roberta Sá , que já foram instrutoras do SENAR .

CONHEÇA MELHOR O PROGRAMA BEM MAIS AGRO  

O Bem + Agro é um programa de relacionamento,  uma plataforma de negócios  que vai gerar Agros e pontos em diversos serviços como compra de veículos, passagens aéreas, pneus, táxis, etc. A lógica do retorno será utilizar esses bônus em assistência técnica, capacitação, turmas exclusivas do SENAR , descontos especiais nas Lojas Bem Mais Agro.

Foi criado pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil-CNA e deverpa ser implementado por todo o mês de março próximo. Entre os benefícios do Bem+Agro, os produtores rurais terão acesso a condições especiais em empresas parceiras, a exemplo de descontos em planos de saúde, serviços laboratoriais, passagens aéreas, pneus e serviços relacionados, cursos de graduação e livros, além de acesso VIP a eventos do agronegócio, entre outros. Nacionalmente, a CNA já firmou convênio com empresas como Latam Airlines, Mercedes-Benz, Visa, Livraria Embrapa, Pirelli, Sabin Medicina Diagnóstica, 99, Netshows, Bancorbrás e Movida Rent a Car.

Os produtores também terão acesso a cartilhas de processos produtivos e poderão participar turmas exclusivas para cursos do Senar; indicarão estudantes para o programa CNA Jovem; terão acesso prioritário a serviços prestados pelos sindicatos, como assessorias jurídica e contábil, bem como à Assistência Técnica e Gerencial do Senar. “Nada mais justo do que o produtor adimplente com o sindicato usar agros para ter acesso a este benefício com prioridade”, avalia o coordenador do Departamento Sindical da CNA, Wilson Brandão Diniz Júnior.