SENAR-CE inicia supervisão da Assistência Técnica e Gerencial

O programa de Assistência Técnica e Gerencial do SENAR- ATeG deverá ser incrementado este ano através de grupos de no mínimo 20 produtores por cada Sindicato, em uma  só cadeia produtiva, oferecendo mais 11 cursos por ano, por Sindicato. Para isso, neste ano de 2019, o SENAR-Ceará reestruturou sua equipe, e montou um Setor de Supervisão.As duas novas supervisoras Mariana  Menezes e Roberta Sá , que já foram instrutoras do SENAR, foram introduzidas as suas atividades na manhã de sexta-fera (01).

Até o dia primeiro de fevereiro, todos eles  deverão apresentar seus grupos da ATeg, disse a Diretora Técnica do SENAR-CE, Ana Kelly Claudio que apresentou a nova metodologia de atuação e os termos de Cooperação Técnica e Financeira no último dia 25 de janeiro.

Na programação de cursos  do SENAR  que   vem sendo elaborada pela Diretoria Técnica, estão previstos  ainda para 2019, 450 turmas  de produtores  que serão beneficiados com  cursos nas áreas de Formação Profissional Rural- FPR- e 250 turmas de PS – Promoção Social, atendendo a 900 propriedades , mas a mesma poderá sofrer alterações . Esse planejamento teve inicio em agosto, com a visita do Superintendente do SENAR-CE, Sérgio Oliveira da Silva, – quie está hoje, em Brasília- a  vários Sindicatos Rurais divulgando a nova  forma de atuação. Em seguida, já em novembro do ano  passado, o Senar promoveu o Encontro Metodológico de Instrutores .