QUIXADÁ QUE AMPLIAR PARTICIPAÇÃO NO PROGRAMA AGRONORDESTE

Ministra da Agricultura e Pecuária Tereza Cristina foi muito feliz ao criar o Programa Agronordeste e  incluir o  nosso Sistema FAEC/SENAR  na aplicação da Assistência Técnica e Gerencial –ATEG.  Foi o que  disse o vice-presidente do Sindicato Rural de Quixadá Fausto Nobre, que  integra também a Câmara Setorial do Leite,  da Agencia de Desenvolvimento do Estado Adece.   Hoje, o município de Quixadá está assistindo a três turmas de bovinocultura de leite, beneficiando 90 produtores, que estão sendo assistidos por três técnicos de campo e, um médico veterinário e um supervisor   levando novas informações , com o foco  na área de gestão.   Antes a gente só trabalhava com os Cursos da formação profissional rural e promoção social, e essa assistência técnica veio para fazer o diferencial.

Para Fausto Nobre, a assistência técnica veio para fazer o diferencial, nos não podemos alavancar a produção sem assistência técnica, ainda existe alguma resistência por parte de alguns produtores, mas  quem quiser continuar na atividade vai ter que participar deste programa do contrário não vai sobreviver.

Segundo ele, a partir do próximo ano estamos orientando nossos produtores para se inserir no Prodeter, do Banco do Nordeste, para conseguirem o crédito, incentivar as compras coletivas, tanto insumos como medicamentos. Temos que trabalhar a assistência técnica e o associativismo que ficou muito esquecido no nosso estado durante esses anos, disse.

Fausto Nobre  informou  que está tentando viabilizar o atendimento a  um maior número de produtores, através da Prefeitura Municipal de Quixadá. Já estivemos com o novo prefeito Ricardo Silveira  juntamente com o  presidente do Sinrural de Quixadá, Amilcar Silveira e com certeza remos ampliar esse atendimento, pois a própria Ministra do Mapa disse que o Agronordeste veio para apoiar o pequeno , o médio e o grande produtor rural.