Presidente da FAEC apresenta sugestões em audiência pública na AL

O presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Ceará-FAEC Flávio Saboya apresentou duas sugestões na audiência pública  promovida pela Comissão de Agropecuária da Assembleia Legislativa do Estado do Ceará, para discutir e debater  com entidades públicas e privadas sobre a produção e comercialização de queijos
e manteigas artesanais no Estado do Ceará, conforme tramita naquela Casa
o Projeto de Lei nº 087/2019.

A audiência atendeu ao ao Requerimento de autoria dos Deputados Leonardo Pinheiro  Leonardo Araújo com coautoria dos Deputados Moisés Braz e Antônio Granja e
subscrito pelo Deputado Queiroz Filho.

Segundo o presidente da FAEC, o projeto é importante e vai atender a 70% dos produtores de leite do Estado, mas apresentou duas sugestões: a primeira para que seja introduzida na proposta a criação de um laboratório de controle de qualidade dos produtos e, a segunda, a obrigatoriedade da apresentação da contra-prova do leite pelo segmento industrial.

Para ele, essas duas medidas trarão segurança para o consumidor e para os produtores.  Na ocasião, foi discutida também a implantação do Selo Arte, que diz que os produtores são artesanais.