CNA Jovem Ceará participa da segunda etapa do Encontro Nacional

Com o tema inovação, o segundo encontro da etapa nacional do CNA Jovem, em Brasília, proporciona experiências impactantes para ajudar os jovens líderes do agro a buscarem soluções inovadoras para o agronegócio brasileiro. Os três finalistas do Programa no Ceará, participaram deste segundo encontro:  classificado em  1o lugar,   Felipe Alves da Costa – graduado em Análise e Desenvolvimento de Sistemas do Município de Quixeramobim, apresentou o Tema: Gestor Jovem: o Jovem como protagonista da gestão rural com o apoio da tecnologia no campo; 2° lugar: Renato Mesquita Peixoto – Mestrando em Zootecnia e Doutorando em Ciências Veterinárias pela UVA, do Município de Miraíma, Tema:  Aplicar os preceitos da agricultura 4.0 aos ovinocaprinocultura da Região Norte do Ceará e no 3° lugar: Rodrigo Dias  Silva, formando em Agronomia e Mestrando em Zootecnia de Massapê, com o Tema: criação de um manual interdisciplinar para educação no campo.

Na sexta (26), os jovens foram levados até uma sala de jogos vivenciais, chamada Scape Room. No local, os jovens foram colocados em salas temáticas, onde tiveram que seguir pistas, interpretar códigos e decifrar enigmas para escapar das salas em até 60 minutos.

Para o engenheiro agrônomo, Rodrigo Silva, representante do Ceará, essa atividade serviu para ampliar a visão e mostrar a importância da resolutividade. “O líder tem que estar preparado para resolver qualquer questão, mesmo aquela que não esteja em sua alçada ou algo totalmente novo como o surgimento de uma nova praga na lavoura. O verdadeiro líder tem que estar preparado para todas as situações”, afirmou.

Para decifrar os enigmas e conseguir sair da sala a tempo, eles tiveram que colocar em prática características fundamentais de liderança, entre elas capacidade de trabalhar em grupo, a gestão do tempo, o equilíbrio emocional e a persuasão.

Além dos jogos, a equipe do Senar também proporcionou aos jovens um passeio de balão para que eles tivessem uma experiência diferente vista de um ângulo incomum.

“ Um líder precisa ter uma visão ampliada das situações, literalmente, tirar o pé do chão. Como o objetivo do encontro é inovação para criação de ideias, estamos proporcionando experiências para que os 61 jovens tenham visões amplas dos desafios do agro e consiga gerar boas ideias”, explica a diretora de Educação Profissional e Promoção Social do Senar, Andréa Barbosa.

No sábado (27) e domingo (28), a programação do CNA Jovem seguiu com palestras sobre transformação digital e inovação no agronegócio, atuação da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil na área internacional e oficinas de geração de ideias para a busca de soluções para os desafios que os jovens encontraram no primeiro encontro, no mês de março.